Um pouco da nossa História - Huambo - Antiga Nova Lisboa

Nos anos sessenta, Nova Lisboa era a segunda maior cidade de Angola, com um grau de prosperidade assinalável, cidade tipicamente tropical, com vivendas modernas, alguns edifícios já de grande volume, avenidas largas e bem cuidadas, jardins e esculturas, um hospital, um grande liceu com mais de um milhar de alunos, um cinema, muito comércio e algumas pequenas indústrias, essencialmente na área da metalurgia, industrias alimentares de carnes, e exploração de pedreiras.

A agricultura era rica, dado o clima excelente e a qualidade dos solos  e a pecuária desenvolvida, com uma localização privilegiada como placa comercial, era o centro nevrálgico e administrativo do caminho-de-ferro de Benguela, que fazia o escoamento do minério de ferro e pirites do leste para o porto de mar de Benguela.

Culturalmente, Nova Lisboa tinha uma vida intensa, com cinema, vários clubes e agremiações, um Liceu e um Instituto Superior de Investigação Veterinária. Muitos dos escritores e poetas angolanos são oriundos desta cidade.